quarta-feira, 30 de maio de 2007

Carta ao Pai Natal

Querido Pai Natal,

Sei que ainda estamos um pouco fora de época, ainda faltam uns bons meses para o Natal, mas não dizem sempre que "o Natal é quando um homem quiser"?... neste caso uma mulher!

Bem, eu sei que nunca fui boa rapariga, mas esforcei-me sempre, acredita!! Parecia é que estava sempre tudo contra...
Sei também que me havia de esforçar mais e tratar melhor as pessoas. Eu sei que todos temos que ser generosos, saber perdoar, ajudar o próximo, não criar conflitos e muito mais coisas que a minha mãe me repete desde que sou pequena.
Mas olha que eu também fiz muita coisa boa!! Não é só coisas más!! Não me estou é a lembrar de nenhuma agora, bolas!

Mas enfim, deixemo-nos de tretas! Pai Natal é assim, eu até sou uma gaja porreira, vou casar no final do Verão e tenho andado super ocupada, de modos que não tenho tido muito tempo para andar a coser os meus trabalhos à mão. Assim faço já um pedido adiantado, para não te esqueceres de no Natal me trazeres a maldita máquina de costura que já te pedi à uns tempos.
Eu sei que andas sempre muito ocupado e que vives lá no meio do nada, por isso adiantei trabalho, podes encomendar aqui.
Mas vê lá se trazes uma que tenha vários pontos, de preferência que traga uma mesa já própria para a meter ( que eu odeio máquinas práticas, gosto de a ver lá fixa na mesa dela e de preferência com montes de tralhas ao lado e prontinha a utilizar). Pelo que vi 400€ devem-te chegar e leva mais uns trocos para a mesa.

Mas não te esqueças!!! Olha que tenho um ponto de vigia lá em casa e no próximo ano, se não cumprires, corro-te a ti e às renas à pedrada ( como na anedota!).

Querido Pai Natal fico à espera,

Um xi-coração enorme da Gabriela

P.S. Atenção, não te esqueças que mudei de morada, o ano passado não chegou lá nada!!

5 comentários:

Sílvia disse...

Ó Gabriela... fazer um pedido assim e chamar "maldita" à máquina... parece-me que não vai resultar.
Parece-me mais um recadinho para o "pseudo-marido" :)

Gabriela disse...

Olá Silvia,

Opá, que queres, já pedinchei tanto que já acho a dita "maldita"!
Este era um recadinho para o paizinho, ele disse que me dava a máquina que eu queria com tudo a que tenho direito já à uns meses atrás!!! Ele prometeu 1h30 antes de eu lhe dizer que ia casar... a minha mãe já me disse para eu esquecer a promessa, ou é casamento ou é máquina!! Sniff!!
Mas quem sabe se não tens razão e o pseudo marido me oferece uma!
Jinho fofo

Cláudia disse...

Olá amiga!!!!
Tantas saudades... tenho tanta curiosidade para saber novidades, mas não tenho tempo! Não tenho tempo para nada!
Ah!!!! quanto à máquinha... a minha avó comprou-me uma... cheinha de pontos... tás com inveja, estás? lolololol
jokas, Cláudia

Gabriela disse...

P/ CLÁUDIA,
Amiga recuso que voltes aqui para me fazer inveja e sentir frustrada!
A tua avó querida não quer mais uma netinha... eu gostei muito dela!!
A gente vê-se quando as coisas acalmarem... por aqui o tempo também é coisa que não tem havido para nada!
Jinho fofo e com saudades

Andreia disse...

Ai amiga cm te compreendo...
Tb já andei a pedinchar uma por aqui e nd... consegui que a minha mãe me emprestasse a dela por uns tempos e assim já consegui fazer algumas coisas mas soube a pouco... :((

Portanto eu tb me junto a ti neste pedido ao pai natal pode ser que cole né?!! :)))

Ahh a malinha já fe3z sucesso por aqui... ainda n recebeste mais encomendas? olha que eu já fiz publicidade...kkkkk

Beijinhos grandes,

Andreia