sábado, 19 de janeiro de 2008

Desafio n.º5989

Fui desafiada pela Isabel a preencher o seguinte inquérito:

A minha maior felicidade é
poder fazer o que gosto e estar perto de quem gosto. Porque pode vir o maior azar do mundo se tivermos felizes com nós próprios e com os que nos rodeiam tudo se supera.

O meu pior pesadelo foi sonhar com a morte do meu irmão. Penso muito sobre isso, imagino como me sentiria se os que estão em meu redor partissem, mas pensar na morte do meu irmão leva-me à loucura. Talvez por a minha mãe ter perdido o irmão dela, não sei.

O meu objectivo é agora, viver cada dia como se fosse o último, fiel a mim mesma e aos meus sentimentos. Já vivi longe disso e sei o quão frustrante e desesperante pode ser a nossa vida.

Um sonho que realizei foi ... não foi casar-me, porque nunca tinha pensado em casar. Muito pelo contrário. Mas foi encontrar alguém que estivesse no mesmo pé que eu, sim porque com o mau feitio que tenho tinha que ser alguém com muito estofo. Então quer dizer assim que nos encontramos, porque ele também tem muito mau feitio. E como diz a minha mãe :"nem que andem à porrada, desde que corra tudo bem e se entendam".

A minha maior derrota seria não poder ser quem sou. E tal como a Isabel, chegar ao fim da minha vida e perceber que não fiz algo porque me acomodei ou tive medo.

A melhor palavra dita é é a decisão, sincera. É aquela que nos define o que somos e o que fazemos. Eu sou o que sou e contra isso nada poderá ser feito.

A pior palavra para se ouvir é a da inveja, da maldade. Aquela que tem intenções apenas e somente nos ferir.

Um mundo melhor seria sermos todos como as crianças e vivermos o mundo como as crianças.

Uma pessoa especial é é aquela que nos ama, nos protege, nos coloca acima de tudo e é também aquela que nós amamos, protegemos e defendemos acima de tudo na terra.


Resumo a amizade como os elos que nos ligam a pessoas que nos tocam o coração. Pessoas com que nos identificamos.

Resumo a falsidade como algo que existe em demais neste mundo. Falsidade é também os que não querem ouvir a verdade por terem interesses.

Deus é ... o meu anjo da guarda é, quem me tem protegido ao longo destes anos todos. E que por incrível que pareceu eu acredito do fundo do coração que sei quem é, alguém que me deixou em pequena mas que me acompanha em espírito estes anos todos e vela pela minha felicidade, segurança, por tudo.

Eu diria a alguém triste... eu não diria, eu daria um grande abraço. Porque mais vale um sentimento de carinho que mil palavras.

Eu sou eu e tudo o que me rodeia e sou feliz. Isso para mim basta!

Espero ter ficado ao nível do desafio proposto, agora como mandam as regras tenho que escolher 7 pessoas para seguirem a corrente:

Cláudia - Blog Dy-Art
Silvia - Blog Um que são Três
Ana - Blog Anitsi
Carla - Blog Redflower
Tânia - Blog Rosa's & Massas
Bere - Blog Croché de Gancho
Nela - Blog As minhas coisas

1 comentário:

Isabel (Cor de Chá) disse...

Claro que estiveste à altura do desafio. Gostei de ler as tuas respostas.

Um abraço :)