quinta-feira, 29 de setembro de 2011

"Os encantadores de gatos"


No seguimento da saga do sobrinho venho dar novas sobre o dito.

Passado quase 2 semanas de ter vindo aqui passar uma temporada connosco posso berrar alto e bom som que este já não é o mesmo gato que me entrou porta dentro há 15 dias atrás.
Já deixou de rosnar (com tanta frequência), já lhe conseguimos fazer festas sem arriscarmos perder meia mão, já podemos deambular pela casa sem ter medo que nos mordam os tornozelos e os nossos gatos até arriscam já tentar brincar com ele.

Os contras é que o diabinho sabe abrir portas, gavetas, armários e tudo o que esteja fechado e estamos a cultivar o hábito de fechar tudo à chave ou ainda nos arriscamos em acordar de manhã e terem todos desertado... porque ele abre a porta do apartamento ao 1.º salto!

2 comentários:

Janine Bettencourt disse...

Já não tem um ar tão assustador :D
És mesmo boa a educar gatos, queres dar uma forcinha com o Tuga?
Beijinho

Berê...sempre Berê! disse...

Oi Gabi,tudo bem qto tempo hein flor que nao passo por aqui,hoje vim e olha só to que nem gato cego em tiroteio nao sei p que lado vou,se costuro,se crocheto,se tricoto aafff,só o seu xico mesmo pra me fazer rir e olha?ve se poe ordem na casa com esse bichano aí hahahahahah,bjo.