sábado, 21 de abril de 2012

Boys & Girls


Quando as vi ali assim alinhadinhas na loja não consegui resistir, até estou tentada a decalcar os símbolos nas caixas.
Com o extra de evitarem que se espalhe pela casa milhentas pedrinhas.
Agora perguntar vocês porque raio já eu arranquei a porta a uma delas?
Corrijo, não foi a uma delas mas sim a da direita.... tenho uma gata cega esquecem-se disso?

quarta-feira, 18 de abril de 2012

A minha nova caixa de costura

Ao fim de tanto tempo arrumada no fundo do armário, lá me motivei e decidi tirar mais um pendente da minha lista.

Técnica do esfregão na tampa, aplicação de papel colorido no exterior, brilhantes a decorar, fundo revestido com feltro para maior suavidade ao pousar, prateleira móvel interior desenhada à mão como motivos relacionados com a costura. Adorei o resultado final!

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Pescadinha com o rabo de fora



Foi fim-semana de limpezas cá no palácio e como é conveniente de vez em quando (apesar de eles resmungarem) as almofadas foram todas para a máquina de lavar.
Aqui o peixe esperava a sua vez...

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Alfabetizar gatos

Posso afirmar que os meus gatos são muito inteligentes!
Dos 7 quase todos respondem pelo nome e obedecem às seguintes palavras:
-  Sai;
- Casa;
- Quieto;
- Gato;
- Comida;
- Não;
- Papinha;
- ...

Pena que como resposta só ouça um "Meow"!


sábado, 7 de abril de 2012

Abençoado fim-semana grande

Juntei o tempo livre destes dias a um conjunto de almofadas que destruí na outra semana, adicionei o divertimento que tive a fazer as camas aqui para os gatos há uns tempos e no final um resto do tecido das cortinas do escritório que por aqui andava e o resultado foi este:



Duas camas novas a fazer conjunto com as cortinas, cheias de gatos desenhados, até parece que foi de propósito.
Nestas duas últimas fotos, um habitante aqui de casa que foge sempre à objetiva da máquina, Bogas (Boguinhas para a família), normalmente chamamos-lhe de gordo ao que ele de rabo no ar responde:
"- Gordo não! Felpudo, cambada de invejosos!"

 Agora vou ali dedicar-me mais um bocado à malfada caixa...